Translate

15/07/2013

Os Maias - Em Coimbra

Em Coimbra
Estudante do liceu, Carlos deixara os seus compêndios de lógica e de retórica para se ocupar de anatomia.

Nos Paços de Celas
Carlos faz ginástica científica, esgrima, wisht sério; havia ardentes cavacos, tudo flamejava no fumo do tabaco, etc.
Tinha nas veias o sangue do diletantismo.

Vida romântica
Episódio romântico com Hermengarda – adultério.
Romance torpe com a espanhola Encarnación, prostituta a quem monta casa.

Os companheiros
São dândis e filósofos, fidalgotes e revolucionários.

A formatura
Em Agosto, no ato da formatura, houve alegre festa em Celas.
“… Aí temos o nosso Maia, Carolus Eduardus ab Maia, começando a sua gloriosa carreira, … preparado para salvar a humanidade enferma – ou acabar de a matar, seguindo as circunstâncias.”

“Carlos partira para a sua longa viagem pela Europa. Um ano passou. Chegara esse Outuno de 1875; e o avô, instalado enfim no Ramalhete, esperava por ele ansiosamente.”

FIM DA GRANDE ANALEPSE


Sem comentários:

Enviar um comentário