Translate

22/05/2013

Figuras de Semântica ou de Pensamento

Pleonasmo – repetição da mesma ideia por palavra ou expressões diferentes, de modo a realçá-la.
Exs.: subir para cima; descer para baixo; entrar para dentro
“Vi, claramente visto, o lume vivo…”
(Camões)

Poliptoto – repetição de diversas palavras da mesma família (palavras cognatas)
Ex.: “O poeta é um fingidor
Finge tão completamente
Que chega a fingir que é dor…”
(Fernando Pessoa)

Sinédoque – referência ao significado de uma palavra através de outra que com ela mantém uma relação de inclusão: a parte pelo todo; o todo pela parte; o género pela espécie; a espécie pelo género; o singular pelo plural; o plural pelo singular; a matéria pelo objeto; o abstrato pelo concreto; o autor pela obra; o traço físico pelo ser.
Exs.: “Que, da ocidental praia lusitana”
(= Portugal)
(Luís de Camões)
“Que não temo contrastes nem mudanças,
Andando em bravo mar, perdido o lenho”
(= barco)
(Luís de Camões)

Sinestesia – manifestação, através de uma mesma expressão, de sensações captadas por órgãos sensoriais diferentes.
Exs.: cores quentes, cores frias; cheiro doce; toque perfumado
“As horas cor de silêncios e de angústias…”
(Álvaro de Campos)

Trocadilho – emprego de palavras ou expressões dúbias, para jogar com o seu sentido.
Exs.: “Perde a pena ao voar,
Ganha a pena do tormento.”
(Luís de Camões)
“Aquela cativa
que me tem cativo”
(Luís de Camões)


Sem comentários:

Enviar um comentário