Translate

01/12/2011

Lei moral

Lei moral --> A sua forma é o imperativo categórico
Universal- válida para todos os sujeitos racionais.
Absoluta- não depende do ponto de vista.
Racional- Isto significa que é criada pela razão independentemente da experiência individual e subjectiva de cada um. Só uma máxima universal pode ser considerada moral. Para que uma máxima seja universal e, portanto se converta em lei moral, é necessário que resulte da razão, que seja criada pela razão e não em função dos interesses particulares ou egoísmos do sujeito.
Normativa- Apresenta-se à vontade com a forma de DEVER (obrigação).
Incondicional ("Deves porque deves") - Apresenta-se como um fim em si mesmo.

Imperativo hipotético
"Se quiseres... então deves..."
Não é a lei moral porque apresenta o dever como algo condicional, como um meio para chegar a um fim.
O ser humano realiza-se como pessoa pela sua moralidade. Agir moralmente e agir de acordo com a vontade autónoma, seguindo a lei da razão.
Só o puro respeito pela lei pode dar valor moral à acção.

Sem comentários:

Enviar um comentário